Definição de fita consolidada

Publicado por Javier Ricardo

O que é fita consolidada?


Fita consolidada é um sistema eletrônico que reúne dados listados em bolsa em tempo real, como preço e volume, e os dissemina aos investidores.


Principais vantagens

  • Fita consolidada é um sistema eletrônico que reúne dados listados em bolsa em tempo real, como preço e volume, e os dissemina aos investidores.
  • Por meio da fita consolidada, várias bolsas importantes, incluindo a Bolsa de Valores de Nova York, o NASDAQ e a Chicago Board Options Exchange, relatam negociações e cotações.
  • Cada entrada na fita consolidada exibe o símbolo de ação de cada empresa negociada nas bolsas, o número de ações negociadas (volume), o preço por ação para cada negociação e o preço atual em comparação com o fechamento do dia anterior.

Compreendendo a fita consolidada


Também conhecida como fita ticker, fita consolidada fornece dados contínuos em tempo real gerados por vários centros de mercado, incluindo bolsas de valores, redes de comunicações eletrônicas (ECNs) e corretoras de terceiros.


Por meio da fita consolidada, várias bolsas importantes, incluindo a Bolsa de Valores de Nova York, o NASDAQ e a Chicago Board Options Exchange, relatam negociações e cotações.
Os títulos freqüentemente serão negociados em mais de uma bolsa; a fita consolidada relata não apenas a atividade do título em sua bolsa primária, mas a atividade de negociação em todas as bolsas.


A fita consolidada é supervisionada pela Consolidated Tape Association, e seus dados de títulos listados vêm de duas redes, rede A e rede B. A rede A relata negociações para títulos listados na NYSE, enquanto a rede B relata negociações da NYSE Amex, Bats, ECNs, trocas regionais e a troca de opções PHLX.


Cada entrada na fita consolidada exibe o símbolo das ações de cada empresa negociada nas bolsas, como o número de ações negociadas (volume), o preço por ação para cada negociação, um triângulo apontando para cima ou para baixo, mostrando se o preço por ação está acima ou abaixo do preço de fechamento do dia anterior e outro número mostrando quanto o preço da negociação foi mais alto ou mais baixo do que o último preço de fechamento.
A cor verde indica um preço de negociação mais alto e vermelho indica um preço mais baixo; azul ou branco indicam nenhuma mudança.


Os investidores podem acompanhar o sentimento geral do mercado, observando a fita consolidada.
Esses dados também ajudam os analistas técnicos a avaliar o comportamento das ações à medida que traçam os dados de entrada ao longo do tempo.

A História da Consolidated Tape e Ticker Tape


Fita consolidada vem do termo fita adesiva.
Embora a fita seja digital hoje, a fita ticker tem seu nome originalmente devido ao som de tique-taque emitido pela máquina mecânica que imprimia longas tiras de papel com as cotações da bolsa.


A primeira fita adesiva telegráfica foi criada por Edward Calahan em 1867. O grande inventor americano Thomas Edison modificou isso melhorando seu design original e a patenteou em 1871. Durante o final do século 19, a maioria dos corretores que negociavam na Bolsa de Valores de Nova York tinha escritórios localizados nas proximidades para garantir que eles recebessem um suprimento constante da fita e os números das transações mais recentes de ações.
Mensageiros, ou pad shovers, entregavam essas cotações executando um circuito entre o pregão e os escritórios das corretoras. Quanto menor a distância entre o pregão e a corretora, mais atualizadas são as cotações.


Essas fitas mecânicas deram lugar às eletrônicas na década de 1960.
A fita consolidada foi introduzida em 1976.