Investimento em comércio justo

Publicado por Javier Ricardo

O que é investimento em comércio justo?


Investimento de comércio justo é qualquer investimento em empresas ou projetos que promovem o comércio justo com produtores em países em desenvolvimento.
As filosofias básicas de comércio justo exigem um salário mínimo para os fornecedores de matérias-primas e matérias-primas, bem como respeito por práticas ambientais fortes e foco nas relações comerciais entre economias avançadas e países em desenvolvimento.

Compreendendo o investimento em comércio justo


Os investimentos de comércio justo tratam principalmente do comércio de produtos agrícolas, como café, açúcar e têxteis.
Muitos dos produtores desses produtos são trabalhadores de baixa renda, frequentemente marginalizados em acordos comerciais e recebem poucos subsídios de seus governos. As práticas de comércio justo visam ajudar esses trabalhadores a obter um padrão de vida mais elevado e independência financeira, enquanto as empresas que promovem ativamente o comércio justo podem mostrar transparência em seus negócios e ganhar pontos de imagem valiosos perante os acionistas.

Princípios do Comércio Justo


De acordo com a Organização Mundial do Comércio Justo, os princípios básicos do comércio justo incluem a criação de oportunidades para produtores economicamente desfavorecidos;
promoção da transparência e responsabilidade em todos os níveis da cadeia de abastecimento; empregando práticas comerciais justas, não maximizando o lucro às custas dos pequenos produtores; garantir que os pedidos sejam pagos ou parcialmente pré-pagos no recebimento dos documentos; fazer com que os compradores consultem os fornecedores antes de cancelar ou rejeitar pedidos; evitar concorrência desleal; promoção e proteção da identidade cultural e habilidades tradicionais dos pequenos produtores; pagamento justo aos produtores que também pode ser sustentado pelo mercado; garantindo nenhum trabalho infantil ou trabalho forçado; e nenhuma discriminação na contratação, remuneração, acesso a treinamento, promoção, rescisão ou aposentadoria com base na raça, casta, nacionalidade, religião,

No nível do investidor


Em termos de escolha de investimentos que promovam os princípios do comércio justo, não há uma resposta automática.
Um investidor deve investigar cada empresa para aprender suas práticas. Fundos mútuos socialmente responsáveis ​​e outros investimentos estão disponíveis. Cada um pode ter sua própria definição de práticas de comércio justo. 


Temas comuns para investimentos socialmente responsáveis ​​incluem evitar investimentos em empresas que produzem ou vendem substâncias que causam dependência (como álcool, jogos de azar e tabaco) e buscar empresas engajadas em justiça social, sustentabilidade ambiental e esforços de energia alternativa / tecnologia limpa.
Os investimentos socialmente responsáveis ​​podem ser feitos em empresas individuais ou por meio de um fundo mútuo com consciência social ou fundo negociado em bolsa (ETF).


Lembre-se de que há dois objetivos inerentes ao investimento socialmente responsável: impacto social e ganho financeiro.
Os dois não andam necessariamente de mãos dadas; só porque um investimento se autointitula socialmente responsável, não significa que proporcionará um bom retorno aos investidores. Um investidor ainda deve avaliar as perspectivas financeiras do investimento.